sexta-feira, 23 de setembro de 2011

CAMOCIM-CE, VEREADOR JULIANO CRUZ CHAMA POLICIAIS RODOVIÁRIOS DE IRRESPONSÁVEIS E "TOQUEIROS"


Em Sessão realizada na última quarta-feira (21), o Presidente da Câmara de Camocim, Ricardo Vasconcelos, Juliano Cruz (PSDB) (foto) e os Vereadores Kléber Trévia, Jarbas Ferreira e Régis da Ipu, protestaram contra a ação da Polícia Rodoviária Estadual e dos funcionários do DETRAN, que estão aplicando multas aos proprietários de D-20, que transportam passageiros da zona rural com destino à sede urbana do município de Camocim. É que para isso eles são obrigados a cortar a CE 085, além do mais, nesse trecho não existem veículos de Cooperativas, hoje aptos para realizar esse serviço. 
De acordo com informações dos vereadores, são tantas as multas aplicadas que os donos destes veículos desistiram de transportar passageiros, o que vem acarretando prejuízos para a economia do município. Irritado com essa perseguição aos condutores de veículos de passageiros que saem do interior de Camocim, de Barroquinha e Chaval, o Vereador Juliano Cruz (PSDB), lamentou que alguns dos policiais da PRE que fazem blitzs nas CEs, usem de expediente nada recomendável para autoridades, como pedir dinheiro, famoso "tôco",  para liberar os veículos, com quantias que oscilam entre R$ 20,00, R$ 10,00 e até R$ 5,00. " Esses policiais da Polícia Rodoviária Estadual, são uns tremendos irresponsáveis e "toqueiros", que ficam exigindo dinheiro e não cumprem suas responsabilidades, enlameando a instituição e o trabalho do Governador Cid Gomes. E se mostram honestidade, extrapolam na forma de abordar o cidadão. Isso é muito triste e lamentável". Desabafou Juliano Cruz.
Lá vou eu: A questão é delicada, mas tem solução. Se não existe rota para as vans da cooperativa nessa área, então que o governo crie alternativas para que esses motoristas, agora parados, voltem a circular. Quanto ao caso de "Tôco" ou propina, seja lá como venha escrito, é a mesma coisa, gostaria de dizer que o blog vem recebendo essas informações há tempos. Não publicamos porque quem denuncia tem medo de ser perseguido, pois circula diariamente pela região. Chegaram a relatar ao blog que o "tôco" de R$ 10,00 seria pelo uso de "chinelos" quando param motociclistas. E ia subindo o valor de acordo com a infração. Errado está quem anda sem seguir as leis de trânsito e mais ainda quem cobra propina para fazer vista grossa a isso. Fica aqui os parabéns ao Vereador Juliano Cruz e a todos que o seguiram  nessa denúncia grave. Agora é esperar que o governador tome providências em relação aos dois problemas.
Fonte: Camocim Online.
Postar um comentário