sábado, 8 de setembro de 2012

RESUMO DA ENTREVISTA COM OS DOIS CANDIDATOS A PREFEITO DE MARTINÓPOLE


Aconteceu hoje no salão paroquial da cidade a entrevista com os candidatos a prefeito do município de Martinópole realizada pela comissão municipal da Apeoc. Dos três candidatos convidados apenas dois compareceram, JOSÉ NILSON JUNIOR e JAMES BÉL, o candidato Franzé como os demais foram convidados com antecedência, mas até o dia do sorteio para ver a ordem dos entrevistados Franzé não tinha confirmado presença como também não justificou sua ausência.
Os dois entrevistados se comprometeram a cumprir com a maioria das reivindicações feitas pela categoria, porém James Bel e Nilson Junior tiveram muita cautela quando o assunto foi efetuar pagamentos retroativos ou pagar dívidas da gestão atual, pois segundo os dois candidatos será necessário levar em conta os recursos arrecadados pelo município e a lei de responsabilidade fiscal.
James Bél disse que a entrevista é de suma importância mais gostaria muito que fosse um debate para que os candidatos tivessem oportunidade de falar de igual para igual sobre suas propostas e ao mesmo tempo responder outros questionamentos que diz respeito a outros setores e órgãos do município, ainda disse que há muita irregularidade e falta de transparência na gestão atual e que se eleito for sua gestão será feita em parceria com a sociedade civil e suas categorias representativas e trabalhará para que todos tenham os direitos respeitados, haja vista que hoje as reivindicações são resolvidas em ultima instância.
Nilson Junior disse que uma das principais ações de sua gestão é a transparência do uso dos recursos do município, tendo como foco principal uma gestão participativa e que se eleito for criará a guarda municipal com um grupo destinado a ronda escolar para auxiliar vigias, professores e alunos em situações que se fizer necessário.
Os dois candidatos comprometeram-se a pagar um salário digno conforme a carga horária de cada servidor público, providenciar fardamento para os servidores e alunos do município.
 James Bél ressaltou que antes de ofertar cursos de defesa pessoal e primeiros socorros para os vigias e outros funcionários do administrativo, vai ofertar curso de relações humanas, pois quem trabalha nos setores públicos deve saber receber e tratar bem o povo.
Sobre o adicional noturno dos vigias e pagamentos retroativos os dois candidatos disseram que devem ser pensados como muitas outras reivindicações, para isso deve-se levar em consideração a lei de responsabilidade fiscal, mas com certeza haverá uma mesa de negociação para analisar todas as questões. James Bél ainda falou sobre o salário família que só agora após sete anos o município começou a pagar, mas que nem todos recebem, apenas os servidores da educação.
Nilson Junior e James Bél comprometeram-se não transferir funcionários sem que haja uma justificativa plausível, expedir contra cheque aos servidores, pois é um direito do trabalhador, aumento de quatro para seis meses a licença maternidade, realização de concurso público com inscrições por localidade para evitar transferência em gestões posteriores, cumprir rigorosamente a lei do piso salarial da categoria, além de destinar um 1/3 da carga horária dos professores para o planejamento e estudo.

Postar um comentário