quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO SE REÚNE COM MEMBROS DE CONSELHOS MUNICIPAIS DE EDUCAÇÃO

Foi realizada na tarde de quarta-feira (26), a primeira reunião do ano com os representantes do Conselho Municipal do Fundeb e Conselho Municipal de Alimentação Escolar na Secretaria Municipal de Educação. A reunião tinha como objetivo apresentar as receitas e despesas referente aos repasses federais no ano anterior.

Segundo informações apresentadas pela assessoria contábil, os recursos repassados ao município ficou a desejar, com isso, o município teve que fazer o complemento com recursos próprios. Conforme dados apresentados em assembleia foram repassados ao município para a compra de merenda escolar em 2013, aproximadamente R$ 22.924,00 e os valores repassados pelo Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação foi de R$ 6.961996,91.

Na ocasião também foram apresentados as receitas e despesas com o Transporte Escolar, segundo informações da assessoria contábil, o município recebia do PNATE/2013, R$ 2.510,29, por mês, mas tinha uma despesa de aproximadamente R$ 18.000,00, fazendo com que o município disponibilizasse mais recursos próprios.

O secretário municipal de educação professor Aderaldo Ferreira da Rocha, disse que o município correria o risco de ficar sem recursos federais, haja visto que não houve a prestação de contas dos recursos referente ao exercício de 2011 e 2012, o que deveria ter sido feito pelos ex-gestores do município. Entretanto, já foi acionado o ministério público para que fosse tomada as medidas cabíveis.

O professor Agenildo Alves, membro do Conselho Municipal do Fundeb, sugeriu que na próxima reunião que deverá ser bimestral, os dados fossem mais detalhados contendo o número de alunos matriculados na rede municipal de ensino, servidores da educação e número de veículos fazendo o transporte escolar.


Para coordenadora da reunião Ivanilde Sampaio, a reunião é um fato inédito no município e de suma importância para os esclarecimentos sobre a devida aplicação dos recursos na educação municipal.

Fonte: SME-Martinópele.



Postar um comentário