sexta-feira, 10 de maio de 2013

MP DENÚNCIA VEREADORES E SERVIDORES DE URUOCA POR CORRUPÇÃO


Uruoca
O Ministério Público do Estado do Ceará, através da Promotoria de Justiça de Uruoca, propôs denúncia crime contra vereadores e servidores públicos municipais por corrupção e formação de quadrilha. Os vereadores Maria Aldebiza Silveira Carneiro, Antônio Eraldo Batista Lima, Elonio Sales, Evilaques Araujo da Silva; o ex-secretário João Lourenço Fontenele Filho; e o servidor da Câmara Municipal Antônio Carneiro Gomes Filho são acusados de receberem propina para aprovar projetos de lei de interesse do prefeito de Uruoca na época, Manoel Conrado. A ação foi assinada no último dia 24, pelo promotor de Justiça Irapuan da Silva Dionizio Junior.

       Segundo as investigações, a prática ocorria desde o início da gestão do atual prefeito municipal, em janeiro de 2009. Foram cumpridos os mandados de busca e apreensão de documentos nas residencias dos implicados, na Câmara Municipal e na Prefeitura de Uruoca. Com isso, foi detectado que no período entre 2009 e 2011, foram desviados dos cofres públicos cerca de R$ 12 mil, por ano, para cada vereador envolvido.

       O MP denunciou os vereadores pelos crimes de concussão, corrupção passiva e prevaricação. O secretário deve responder pelos crimes de peculato, corrupção passiva e ativa. Já o servidor da casa legislativa foi acusado pelo MP por concussão e corrupção passiva. Além de responder individualmente pelos delitos descritos, os envolvidos ainda responderão por formação de quadrilha praticados em concurso material.

Fonte: Ascom





Postar um comentário