sábado, 7 de dezembro de 2013

SONHO DO CARRO ZERO FICARÁ MAIS CARO EM 2014.



A retomada do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) e a introdução obrigatória de itens de segurança deixarão os carros mais caros a partir de 2014.



A Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea) estima que o efeito da tributação pode ter impacto de até 5,6% nos preços. “O governo ainda está discutindo qual será o percentual de repasse parcial do tributo. Dependendo do salto, o carro pode ficar de 1,1% a 5,6% mais caro”, afirmou o presidente da entidade, Luiz Moan.



O imposto foi reduzido a zero para os carros populares, em abril do ano passado. Neste ano, foi gradualmente recomposto e está em 2%. Em 2014, voltaria à alíquota original, de 7%, mas o governo já sinalizou que a retomada vai ser parcial.



Também pesará no preço dos carros a inclusão do ABS e do airbag, que passarão ser obrigatórios. O custo adicional é estimado em R$ 1.000 por veículo.

Fonte: Folha de S. Paulo.

Postar um comentário