domingo, 25 de maio de 2014

ENCONTRO DE ALIADOS TERMINA SEM A PRESENÇA DE CID E DEFINIÇÃO DE NOME PARA SUCESSÃO


Danilo Serpa – Foto: Antonio Cardoso
Os presidentes dos 22 partidos da base aliada do governo Cid Gomes estiveram reunidos nesta sexta-feira no Marina Park Hotel para avaliar o caminho percorrido pela gestão atual e traçar metas para a organização de um plano ou projeto de poder para o candidato ao governo.

A reunião, que aconteceu sem a presença da imprensa, foi conduzida pelo presidente do Pros, Danilo Serpa, e o governador Cid Gomes não participou. “Reunimos os 22 presidentes dos partidos que compõem o governo para tratarmos de questões sobre saúde, educação, segurança e outros assuntos pertinentes que devem direcionar um novo plano de governo. Na próxima quinta-feira, a partir das 14h também no Marina Park, teremos outro encontro onde serão debatidos assuntos sobre segurança e educação. O governador não deve participar, assim como os pré-candidatos, mas os secretários das pastas a serem debatidas serão convidados”, disse Danilo Serpa.

O presidente do Pros afirmou que houve pressão de alguns partidos para que fossem definidos nomes para a sucessão, mas que a maioria optou por antes “tratar das diretrizes para o futuro do Ceará”. “Na sequência vamos tratar de um nome. As reuniões terminam em 15 dias e possivelmente só após esses encontros haverá essa decisão”, completou.

Diassis Diniz
Por sua vez, o presidente do PT Ceará, Diassis Diniz, disse que não se trata de pressão, mas que os partidos precisam opinar e levar um nome às ruas. Ainda segundo Diassis, o PT cearense tem conversado permanentemente com o senador Eunício Oliveira. “O jogo está aberto. Se você perguntar qual é a chapa do senador Eunício Oliveira, verá que ele não tem vice e não tem senador. A chapa do Cid não tem vice nem cabeça, apenas um senador. Roberto Pessoa não tem vice e não tem senador. Então vamos jogar e tornar as impossibilidades possíveis na condução da política, onde tudo é possível e é viável. É por esse cenário que estamos construindo as relações”.

Fonte: Ceara agora






Postar um comentário