quinta-feira, 22 de setembro de 2011

FORTALEZA - Vereadores promovem passeio ciclístico até a Câmara de Fortaleza


Ação faz parte das atividades pelo Dia Mundial sem Carro.
Exposição e lançamento de campanha são outras atividades do dia.


Vereadores e apoiadores vão comemorar o Dia Mundial sem Carro, nesta quinta-feira (22), em Fortaleza, percorrendo cerca de 4 quilômetros de bicicleta, da Praça da Imprensa até a Câmara Municipal da cidade. A concentração do passeio ciclístico ocorre a partir de 8h na praça.  Exposição de fotografias e o lançamento de uma campanha também marcam o dia.
"A questão ecológica se coloca por um lado óbvio da diminuição de monóxido de carbono. Isso é algo importante, mas é também a própria ecologia individual mental", afirma o autor da proposta em Fortaleza, vereador João Alfredo (Psol). Essa já é a terceira vez que acontece o passeio ciclístico em Fortaleza durante o Dia Mundial sem Carro. A proposta foi incorporada pela Câmara Municipal, com a realização do evento pela Câmara Cultural e a Comissão de Urbanismo e Meio Ambiente.

Nesta quinta-feira (22), com a chegada dos ciclistas à Câmara Municipal, haverá a exposição de fotos ligadas ao tema no salão branco da Casa e a apresentação de uma campanha com cartilhas e adesivos chamada "Por um trânsito gentil e sustentável". "No nosso adesivo, a gente coloca 'sou bom motorista, respeito o pedestre e o ciclista'. Isso é o que diz o Código de Trânsito Brasileiro", defende João Alfredo.
O vereador conta que nesses três anos pôde contabilizar algumas conquistas, "umas menores, mas significativas, e outras mais importantes". Entre as mais significativas, ele cita a lei aprovada pela Câmara Municipal de Fortaleza a partir de um projeto dele, que regulamenta um sistema cicloviário na estrutura urbana de Fortaleza. "Não só com a construção de ciclovias, mas também a integração desse sistema, a construção de estacionamentos de bicicletas e ainda a política de educação no trânsito", afirma.
Bicicletário
A Câmara Municipal tem projeto de construir um bicicletário para aqueles que optarem se locomover até a Casa Legislativa de bicicleta, diz Alfredo. "O dia mundial sem carro procura fazer uma reflexão sobre os problemas de mobilidade e sobre dar segurança para aqueles que optam pela bicicleta", afirma o vereador.

Para o vereador, tudo é questão de se ter um novo olhar sobre o trânsito de uma cidade. "Em Copenhague, capital da Dinamarca, 40% da população se desloca de bicicleta. Isso surgiu na década de 70, com crise do petróleo, em que a cidade resolveu dar uma virada", afirma.
O vereador Guilherme Sampaio (PT) também convidou, na sessão de quarta-feira (21) na Câmara Municipal, a população e os vereadores a participarem do ato . Na ocasião, Guilherme falou sobre o grande uso de automóveis e as consequências nocivas para a mobilidade e sustentabilidade de qualquer cidade.

Trânsito 
A cidade de Fortaleza tem uma frota de 797.183 carros, segundo o Departamento Estadual de Trânsito  (Detran). A ideia é que as pessoas deixem o carro em casa e utilizem o transporte público, se locomovam debicicleta ou a pé.
Segundo a Autarquia Municipal de Trânsito de Fortaleza (AMC), entre 17h e 18h, um dos cruzamentos mais movimentados de Fortaleza, entre as avenidas Engenheiro Santana Júnior e Antônio Sales, passam em média 4,1 mil carros. Por dia, no mesmo cruzamento, passam em média mais de 64 mil veículos, de acordo com a AMC.
Informações g1.com
Postar um comentário