segunda-feira, 8 de agosto de 2016

MULHER É PRESA AO TENTAR ENTRAR NA CPPL I COM 164 CELULARES



Uma mulher foi presa na tarde deste domingo (7), ao tentar entrar na Unidade Prisional Agente Luciano Andrade Lima, conhecida como CPPL I, em Itaitinga, Região Metropolitana, com 164 celulares presos ao corpo.

A suspeita, identificada como Antônia Karla dos Santos (30), fingia ser gestante e visitaria um interno. No momento em que passava pelo body scanner, os aparelhos foram descobertos pelos agentes penitenciários que estavam de plantão.

Os celulares estavam amarrados em uma espécie de barriga falsa presa com cintas. A mulher foi presa em flagrante e encaminhada à Delegacia Metropolitana de Maracanaú onde prestou depoimento sobre o caso e em seguida foi transferida para a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), em Fortaleza, onde segue à disposição da Justiça.

Em depoimento, Karla disse que está desempregada e confessou não ter nenhum parente na unidade prisional. No relato, a suspeita disse que um homem a procurou em uma feira de confecções em Fortaleza e ofereceu uma motocicleta caso ela entregasse os celulares.

Os aparelhos encontrados com Karla apresentavam algumas letras, possivelmente como uma forma de identificação para quem seria entregue os celulares, disse um agente penitenciário que preferiu não ser identificado.
Em nota, a Secretaria de Justiça e Cidadania (Sejus) comentou o caso. Leia na íntegra:

“A Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado informa que uma visitante foi flagrada tentando entrar com celulares e outros ilícitos na Unidade Prisional Agente Luciano Andrade Lima, em Itaitinga. Antonia Karla dos Santos estava com 164 celulares, 109 chips e 50 carregadores amarrados em uma cinta. A visitante foi encaminhada à Delegacia de Maracanaú para os procedimentos cabíveis.”

Outras apreensões

Em julho deste ano, mais de 400 celulares foram encontrados durante uma busca de rotina nas celas da Unidade Prisional esembargador Francisco Adalberto Barros de Oliveira Leal, mais conhecida como Carrapicho, em Caucaia, Região Metropolitana de Fortaleza.

Com R7

Postar um comentário